Archive | Legumes RSS for this section

Confit Byaldi

Prato exibido no filme ratatouille. A base da receita é de um prato chamado ratatouille, mas o original tem os legumes picados e cozidos em panela. Esta versão, a que foi exibida no filme, tem a montagem produzida para se comer com os olhos, e é feita no forno. Foi criada pelo chef francês Michel Guérard para ser uma versão mais leve do ratatouille, por não fritar os legumes e remover o uso de pimentas mais fortes.

 

Ingredientes:

1 berinjela

1 abobrinha

1 cebola

3 dentes de alho

3 tomates firmes

1 pimentão amarelo

1 pimentão verde

Molho de tomate (de preferência fresco, mas pode ser molho pronto)

Ervas de provence

Azeite

Pimenta do reino
Preparação

Comece fatiando a berinjela, a abobrinha e os tomates em rodelas bem finas. Retire as duas extremidades do pimentão, para retirar as sementes. Retire também a estrutura interna, aquela parte branca que segura as sementes, pois este pedaço deixa o pimentão amargo. Com os pimentões ocos, corte em fatias finas.

Pique a cebola em pedaços bem pequenos. Descasque e pique os alhos também em pedaços muito pequenos.

Aqueça em uma panela um pouco de azeite em fogo médio. Coloque a cebola, o alho e um pouco de sal, até que comece a dourar. Nesta receita vale a pena deixar começar a dourar, para que o sabor dos dois seja distribuído no azeite e depois no molho. Pelo tempo de forno as cebolas irão desaparecer, desta forma aproveitamos o máximo o sabor. Quando começar a dourar, coloque uma colher bem cheia de ervas de provence.

Misture tudo muito bem, cozinhando nos líquidos da cebola por cerca de 1 minuto.

Acrescente o molho de tomate. Se estiver muito espesso, coloque um pouco de água e deixe em fogo baixo até que comece a engrossar novamente. Isso garante que o molho absorveu os sabores.

Distribua o molho no fundo de uma assadeira grande. A partir de um ponto no centro, comece a colocar os legumes empilhados lado a lado, de forma alternada, até que a assadeira esteja totalmente preenchida. Não deixe muito espaço entre os legumes, ideal é que fiquem empilhados bem colados um no outro.

Regue os legumes com azeite, pimenta do reino e um pouco mais de ervas de provence. Cubra a assadeira com papel alumínio e leve ao forno, pré aquecido a 160 graus, durante 1 hora e 40 minutos.

Retire o papel alumínio e deixe no forno por mais 20 minutos. Isso fará com que os legumes comecem a caramelizar, acentuando o sabor.

Retire do forno, sirva sobre arroz, cuscuz ou quinoa.

Acredito que este prato ficaria ainda mais bonito e saboroso se quando servido fosse guarnecido com uma redução de vinagre balsâmico. Não fiz desta vez, mas se interessar, é muito simples. Na própria panela do molho, deixe cerca de duas colheres do molho. Coloque em fogo médio, acrescente um pouco mais de azeite, 2 colheres de vinagre balsâmico, e cozinhe por cerca de 3 minutos, mexendo o tempo todo. Ele vai começar a secar. Neste momento, coloque 1 colher de manteiga, e mexa até que tudo esteja bem misturado. Esta redução é bastante ácida, mas bem aveludada e saborosa, use com moderação, apenas uma colher rasa espalhada sobre os legumes.

 

Apreciação
As Ervas de Provence são uma mistura francesa de ervas, originária da região francesa da Provença, tais como: tomilho, alecrim, segurelha, orégano, louro e alfazema. Vende pronto, existem variações nas ervas utilizadas e na proporção entre elas, mas no geral é a mesma coisa. A mistura é muito aromática, você começa apreciando o prato pelo cheiro que é emanado. O conjunto das ervas com a berinjela, principalmente, solta um perfume muito apetitoso.

Pelo tempo elevado de forno, coberto, todos os sabores se misturam, o deleite do prato parte principalmente do visual e da textura dos legumes, que ficam macios mas sem ficarem empapados. A utilização de tomates, tanto com o molho quanto as rodelas, garante uma suavidade ao sabor bem acentuado da berinjela.